Chama a atenção a quantidade mulheres presas pela pratica de furtos em Taquarituba - sudoestepaulista

Chama a atenção a quantidade mulheres presas pela pratica de furtos em Taquarituba

Em quatro crimes, duas ladras e um casal de namoradas furtaram carro, carteira, celular e dinheiro; mesmo ter praticado dois crimes, lésbicas foram postas em liberdade pela justiça.

A comunidade taquaritubense reclama a quantidade de furtos que vem ocorrendo no município. Comércio, residência, veículo e pedestre são o foco dos criminosos, conforme o Portal do Sudoeste Paulista tem publicado nas últimas semanas. Entretanto, neste início de ano, chama a atenção o número de furtos envolvendo mulheres.


Semana passada um casal, J. com 32 e R. com 25 anos, ao menos o que foi registrado pela Polícia Militar, as namoradas furtaram uma residência, levando roupas acessórios e arrobaram um veículo para subtrair carteira com cartões de crédito, celular e uma cesta básica. As lésbicas contaram aos policiais que praticam furtos para poderem comprar entorpecentes.


De acordo com a Polícia Militar em ambos os casos, registrados em janeiro, as ladras foram presas em flagrante, mas nos dois casos elas foram postas em liberdade peja “justiça”, após audiência de custódia. Após o segundo crime, elas foram filmadas por um caminhoneiro circulando perigosamente pela rodovia, próximo a cidade.


O caso mais recente envolvendo larápia, ocorreu nesta sexta-feira, 4. Em consonância com o 53º BPM/I, por volta das 6 horas da manhã, policiais patrulhavam a vicinal Taquarituba/Tejupá, quando se depararam com um Ford/Fiesta Sedan, parado no km 04, às margens da estrada. Dois indivíduos que estavam do lado de fora conseguiram correr e fugir. Uma mulher que estava no banco do motorista, rapidamente foi reconhecida por cometer vários crimes de furto de veículo e patrimônio na cidade, não conseguiu escapar.


A famosa larápia confessou que havia subtraído o automóvel de uma residência no centro de Taquarituba logo após arrombar a janela da casa pra pegar a chave. A mulher de 26 anos foi presa e conduzida ao DP de Taquarituba onde permaneceu à disposição da justiça, ao menos até a famigerada audiência de custódia.


E os casos de furtos envolvendo mulheres não param por aí. Na tarde de quarta-feira, 2, uma sorveteria foi roubada por uma mulher, também famosa pelos crimes na cidade.


A ladra foi encontrada entrando num bar, portando uma sacola com diversas moedas, furtadas da sorveteria. Questionada, confessou que praticou o crime ajudada pelo seu namorado, mas disse não souber onde ele estava. Ela foi posta à disposição da justiça onde passou pela audiência de custódia. O coautor do crime, de 32 anos, está sendo investigado.

Chama a atenção a quantidade mulheres presas pela pratica de furtos em Taquarituba - sudoestepaulistaMulher invadiu residência em Taquarituba para pegar chave e furtar carro
Chama a atenção a quantidade mulheres presas pela pratica de furtos em Taquarituba - sudoestepaulistaMulher foi presa por roubar sorveteria em companhia do namorado

Liberadas pela injustiça, casal de lésbicas é flagrado numa moto ziguezagueando pela rodovia

Cegarra Imóveis

BOM DA PESCA

Santa Cruz – Funerária

CASA DO MECÂNICO

ADS

Meines

BELLA PIZZA

Modelar Box

LPNET

2 respostas
  1. Fernando
    Fernando says:

    Uma pena. E o população irá fazer justiça com as próprias mãos .pois não a justiça neste país. E sempre .a justiça e cega.

    Eu detesto ladrão. Tirar um objeto que custou o meu suor. .annnn. se for comigo bandido come chumbo
    O melhor remédio. Cobrir no ferro e chumbo
    Olho por olho dente por dente

    Responder

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *