Em pane estrutural Santa Casa de Taquarituba anuncia iminência de colapso financeiro - sudoestepaulista

Em pane estrutural Santa Casa de Taquarituba anuncia iminência de colapso financeiro

Semana começou com 31 e chega hoje (sexta) com 38 mortes. Entidade pede à autoridades, transferência urgente de seus pacientes.

Na segunda-feira, 19, ainda eram 31 óbitos, entretanto, nesta quinta-feira, 23, o último boletim divulgado pelas autoridades taquaritubenses, informa 38 mortes por covid-19 no município. De 71 em isolamento domiciliar, passou para 107. Para piorar e muito a situação, a Santa Casa de Misericórdia do município que atende muito além de sua capacidade, anunciou que deve entrar em colapso financeiro.

Um comunicado emitido pela entidade filantrópica, dirigida atualmente pelo presidente Mauro Sérgio da Silva e pelo diretor clínico Ricardo Ulisses Chamarro, signatários do documento público, revelou o grande problema financeiro pelo qual passa a Santa Casa, descrita como “assombrosa”. A situação de atendimento da entidade não é diferente. Seu setor preparado para pacientes com a maldita doença, com 10 leitos de UTIs e 5 de enfermaria, estão operando atualmente com um acréscimo de 360% de sua capacidade.

Para suprir a demanda, a entidade teve de contratar funcionários. Segundo revela o comunicado, foi necessário contratar mais 45 profissionais. Também ouve o aumento expressivo da necessidade de insumos hospitalares e medicamentos, os quais, além da dificuldade de encontra-los, tiveram seus preços exponencialmente aumentados. A ganância humana não tem limites. Remédio como a Fentanila que antes era comprada a R$ 5,28, agora é adquirida não menos por R$ 49,00.

Os preços dos exames também dispararam, mas o que realmente chama a atenção é o caso do oxigênio. De acordo com a entidade, antes da pandemia o metro cúbico custava R$ 7,20, passando atualmente para R$ 14,63. Um ágio de 100%. Se a Santa Casa gastava em novembro de 2020, cerca e R$ 22 mil com o insumo, neste último mês de março, gastou mais de R$ 163 mil.

Tudo isso, claro, corroborou para o aumento vertiginoso dos gastos mensais da entidade que é filantrópica e depende, além de colaborações altruístas, como também do dinheiro recebido através da Prefeitura, Governo Estadual e Federal.

No início de abril foi lançada uma campanha para auxiliar a entidade. Uma live beneficente com o propósito de angariar fundos para a aquisição de uma Usina de Oxigênio, no valor de R$ 540 mil. Segundo o comunicado, até o momento, foram arrecadados por toda a região, aproximadamente R$ 780 mil, sem contar os leilões que ainda não foram computados.

Mas infelizmente os problemas não param por aí. Com a demanda expressiva por oxigênio a estrutura física do sistema está sobrecarregado, sendo necessário, uma urgente reforma para aumentar o poder de demanda. Para resolver mais esse percalço que está colocando em risco a vida dos que estão em oxigênio, a entidade emitiu um comunicado à DRS – Diretoria Regional de Saúde, localizada em Bauru e responsável pelo manejo de pacientes de cidades menos estruturadas para outras, pedindo a paralização momentânea de transferência de pacientes de outras cidades, para que a entidade possa realizar as reformas necessárias no sistema de rede de gases.

Quanto aos pacientes já alocados, a entidade pede à DRS, “a necessidade de transferência urgente de nossos pacientes para outras unidades.”

Para amenizar um pouco o caos financeiro da entidade, a Câmara Municipal realizou ontem, a antecipação de R$ 200 mil, da chamada “devolução do duodécimo” que acontece todo final de ano, quando o parlamento devolve à prefeitura o dinheiro que não utilizou durante o ano. Com o valor devidamente repassado à prefeitura, o dinheiro então, chegará aos vazios cofres da Santa Casa.

Acompanhe abaixo, o documento que preocupou tanto taquaritubenses quanto toda a região, como também, o oficio da Câmara Municipal informando o Executivo sobre os valores a serem destinados à Santa Casa, como também os boletins com os números da covid, do último dia 17 e desta quinta-feira, 23, para que o leitor possa entender o aumento de casos de covid no município de Taquarituba.

Em pane estrutural Santa Casa de Taquarituba anuncia iminência de colapso financeiro - sudoestepaulista
Em pane estrutural Santa Casa de Taquarituba anuncia iminência de colapso financeiro - sudoestepaulista
Em pane estrutural Santa Casa de Taquarituba anuncia iminência de colapso financeiro - sudoestepaulista
Em pane estrutural Santa Casa de Taquarituba anuncia iminência de colapso financeiro - sudoestepaulista

Cegarra Imóveis

BOM DA PESCA

Santa Cruz – Funerária

CASA DO MECÂNICO

ADS

Meines

BELLA PIZZA

Modelar Box

LPNET

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *