Incendiário de Campos de Holambra está preso enquanto vítimas choram o prejuízo - sudoestepaulista

Incendiário de Campos de Holambra está preso enquanto vítimas choram o prejuízo

Homem de 27 anos disse que resolveu atear fogo em veículos, após brigar com a sogra.

Após intensa solicitação da imprensa, as autoridades policiais decidiram se manifestar na tarde desta segunda-feira, 27, e revelou detalhes sobre os fatos ocorridos em Campos de Holambra, como também, disse ter prendido o responsável pelo caos e danos.


De acordo com as informações fornecidas pelo 53º BPM/I, quando os policiais e socorristas chegaram ao local, dois veículos estavam em chamas sendo um Renault/Kangoo e um Fiat/Elba, um deles, de uma família humilde que dependia do veículo e os equipamentos contidos nele, para poder ganhar a vida.


Os demais veículos incendiados são foram um ônibus, completamente destruído pelas chamas, um caminhão M/Benz 1618, que teve o interior da cabine incendiado, um GM/Chevette e uma caminhonete Ford/F-1000.


Ainda conforme a PM, enquanto socorristas combatiam as chamas, os policiais militares deram início às buscas pelo suspeito. Ainda na mesma avenida, um indivíduo foi visto saindo de um terreno baldio, o qual se mostrou assustado ao perceber a presença da viatura.


O homem de 27 anos foi abordado e identificado. Vestido com uma camiseta no avesso, o então suspeito negou, porém, ao verificar filmagem de câmera de vigilância de um estabelecimento comercial, os policiais puderam constatar que o abordado se tratava do incendiário.


Ao saber do registro das imagens, acabou por confessar que estava participando de um churrasco na residência de familiares quando se desentendeu com sua sogra. Nervoso saiu para a rua, descontar em quem nada tinha a ver com seus problemas.


O incendiário sem causa, contou somente que utilizou de um isqueiro para atear fogo nos veículos, o qual jogou no mato quando avistou a viatura.


O canalha, preso em flagrante por “Incêndio criminoso”, foi conduzido ao plantão policial de Taquarituba, onde ficou recolhido, aguardando audiência de custódia.


Nessa tarde de segunda-feira, a Seccional de Polícia Civil, em Avaré, revelou à imprensa que a audiência de custódia determinou que o incendiário permanecesse preso, com a conversão da prisão em flagrante em preventiva.


A Delegacia de Paranapanema que investiga o caso, informou que não há qualquer indício de motivação diversa, como exemplo um suposto atentado de cunho político, que chegou a ser mencionado no registro da ocorrência, como em algumas mídias, bem como de envolvimento de outros indivíduos.


Enquanto o incendiário vai curtir uns dias na cadeia, com as despesas pagas pelo cidadão e totalmente amparado pela justiça, já que nem seu nome foi divulgado, os proprietários dos bens destruídos, choram os prejuízos, sabendo que nenhuma autoridade irá socorrê-los.

Incendiário de Campos de Holambra está preso enquanto vítimas choram o prejuízo - sudoestepaulistaVeículos de trabalhadores foram destruídos, no ataque em Campos de Holambra

Incendiário de Campos de Holambra está preso enquanto vítimas choram o prejuízo - sudoestepaulistaImagem divulgada pelo G1 mostra as chamas consumindo o ônibus

SS Consultoria

Cegarra Imóveis

BOM DA PESCA

Santa Cruz – Funerária

CASA DO MECÂNICO

Modelar Box

ADS

BELLA PIZZA

LPNET

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *