Índice pluviométrico do temporal de terça pode ser o maior da história de Avaré - sudoestepaulista

Índice pluviométrico do temporal de terça pode ser o maior da história de Avaré

Nem mesmo os mais idosos avareenses se lembram de uma tromba d’água tão devastadora como essa última.

Dezenas de carros submersos, moto engolida por cratera, casas inundadas, desabamento de parte de prédio e comércios ainda calculando os prejuízos. Esse é o saldo superficial da tromba d’água que assolou o município de Avaré, neste primeiro dia de fevereiro.


Nem mesmo os mais velhos cidadãos avareenses, ouvidos pela reportagem do Portal do Sudoeste Paulista, se lembram de algo pior. Quadras antes nunca inundadas, dessa vez, sucumbiram ao poderio da natureza, fora de controle, segundo cientistas, devido ao aquecimento global, culpa do próprio ser humano.


Em busca de dados que possam colocar números nessa singular mostra de força da natureza, a redação do Portal encontrou guarida nos serviços da equipe da Floresta Estadual, localizada no Horto Florestal, agora sob comando da prefeitura local.


O órgão estadual informou que não há registros antigos de tormentas que possam provar ser essa última, a mais forte enchente dos 160 anos de Avaré, mas segundo as coletas pluviometrias coletadas em anos recentes, podemos ter uma ideia de quão emblemática foi a chuva de terça-feira, 1.


De acordo com a Floresta Estadual, em menos de uma hora e meia, os pluviômetros instalados no Horto Florestal marcaram impressionantes 64.3 milímetros de precipitação.


Para termos um parâmetro, durante todo mês de fevereiro de 2021, mês considerado de poucas chuvas, caíram em Avaré, 66.4 mm. Em fevereiro de 2020, onde foram registrados bons índices de chuvas, o município marcou durante todo o mês, 225.4 milímetros. Ou seja, para uma chuva que dourou menos de duas horas, 64 milímetros é muita água.


Esse temporal que está sendo considerado o maior da história de Avaré, chegou num momento em que as terras estavam encharcadas e os ribeirões que banham o município com níveis altos devido as chuvas de janeiro. Segundo a Floresta Estadual, dois dias antes, no dia 30, choveu em 24 horas, 225.4 milímetros.

Índice pluviométrico do temporal de terça pode ser o maior da história de Avaré - sudoestepaulistaImagem mostra o quarteirão da Rua Rio de Janeiro, centro de Avaré, onde uma moto foi engolida por uma cratera que se abriu pela força da enxurrada

Cegarra Imóveis

BOM DA PESCA

Santa Cruz – Funerária

CASA DO MECÂNICO

ADS

Meines

BELLA PIZZA

Modelar Box

LPNET

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *