Jovem tenta defender mulher grávida de agressões e acaba morto - sudoestepaulista

Jovem tenta defender mulher grávida de agressões e acaba morto

Irmão da vítima também acabou sendo baleado pelo suspeito, em Itaporanga; grávida foi agredida com tora de madeira e foi socorrida.

Um jovem morreu e outro ficou gravemente ferido depois de serem baleados no Bairro São Pedro, em Itaporanga. O caso aconteceu na noite de domingo (24).


Segundo a Polícia Militar, o agressor ficou sabendo que a ex-namorada estaria em uma festa próxima da casa dele. Ele foi até o local, começou a xingar e agredir a mulher com uma tora de madeira. A vítima, que está grávida de cinco meses, foi atingida na cabeça.


Por conta das agressões contra ela, dois irmãos, de 26 e 18 anos, que também estavam na festa, foram até a vítima para tentar defendê-la.


Em seguida, o agressor retirou uma arma e atirou contra os rapazes. Lincoln Tainan Silva morreu no local. Já o irmão dele foi socorrido pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e está internado no Hospital da Unesp, em Botucatu.


A ex-namorada do agressor foi socorrida e levada para um hospital em Itaporanga, mas já recebeu alta médica. O autor do crime está foragido.

Cegarra Imóveis

BOM DA PESCA

Santa Cruz – Funerária

CASA DO MECÂNICO

ADS

Meines

BELLA PIZZA

Modelar Box

LPNET

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *