Motivada pelos autos índices de violência contra a mulher, Polícia Civil realiza "Operação Átria" e prende 41 homens na região - sudoestepaulista

Motivada pelos autos índices de violência contra a mulher, Polícia Civil realiza “Operação Átria” e prende 41 homens na região

Realizada para combater especificamente a violência doméstica e familiar contra a mulher entre os meses de fevereiro e março, operação “mês da mulher”, teve iniciativa de caráter nacional.

.

A Polícia Civil de Avaré e região concluiu nesta terça-feira, dia 28/3, com a realização do “Dia D”, sua participação na “Operação Átria”, idealizada pelo Ministério da Justiça e Segurança Pública (MJSP), cujo objetivo foi reprimir as mais diversas modalidades de crimes no contexto da violência doméstica e familiar contra a mulher.


Realizada entre o final de fevereiro até hoje, a operação resultou na prisão de mais de 40 pessoas, entre ações da PM e da Polícia Civil, na área circunscricional da Delegacia Seccional de Polícia de Avaré, a qual compreende, além da cidade sede, outros 16 municípios, tais como Cerqueira César, Itaí, Piraju e Taquarituba.


No que se refere ao trabalho exclusivamente de Polícia Judiciária, a Delegacia Seccional computou 54 denúncias anônimas apuradas, 96 vítimas atendidas, 65 diligências realizadas, 03 mandados de busca e apreensão cumpridos, 18 mandados de prisão cumpridos, entre outras atividades (vide quadro anexo).


Sobre os demais dados compilados pela Polícia Civil destacam-se ainda o número de medidas protetivas de urgência da Lei Maria da Penha requeridas /concedidas (95 no total), fruto do trabalho de policiais civis que atenderam mulheres vítimas de violência doméstica e familiar.


Outro dado relevante foi o número de boletins ocorrências registradas: 236 ao todo, tendo como natureza desde ameaças e crimes contra a honra (injúria, calúnia e difamação), perseguição, até lesão corporal dolosa e outros delitos. Além disso, as delegacias instauraram 150 inquéritos para apurar a conduta dos autores.


A Operação Átria teve caráter nacional e contou com a participação das Polícias dos 26 Estados e Distrito Federal. Foi desenvolvida durante mais de 30 dias, tendo como pontos culminantes datas específicas nesse período.


No dia 8/3, “Dia da Mulher”, as Polícia Civis de todos os Estados realizaram palestras e atividades de conscientização sobre o tema.


O dia 21/3 foi a data escolhida para que as unidades policiais se reunissem para realizar o levantamento de mandados de busca e apreensão e de prisão para serem cumpridos no em 28/3, o “Dia D”.

Motivada pelos autos índices de violência contra a mulher, Polícia Civil realiza "Operação Átria" e prende 41 homens na região - sudoestepaulista

SS Consultoria

Cegarra Imóveis

BOM DA PESCA

Santa Cruz – Funerária

CASA DO MECÂNICO

ADS

Meines

BELLA PIZZA

Modelar Box

LPNET

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *