Piraju poderá ter 100% da iluminação pública de LED - sudoestepaulista

Piraju poderá ter 100% da iluminação pública de LED

Piraju poderá ser a primeira cidade do Estado a ter 100% da iluminação pública com lâmpadas de LED

Segundo declarações do prefeito de Piraju, José Maria Costa, em uma emissora de rádio, o município de Piraju poderá ser o primeiro município no Estado de São Paulo a ter 100% das vias públicas com iluminação com lâmpadas de LED.

Na quarta-feira, 25, estiveram nas dependências da Câmara Municipal Tiago Balivo, Mário Brotto e Guilherme Ferraz, representantes da CEF (Caixa Econômica Federal) que foram até a Casa de Leis para explicar aos vereadores sobre a linha de financiamento “Caixa Ilumina” e as vantagens de se utilizar lâmpadas de LED na iluminação pública.

As explicações foram solicitadas pelo prefeito José Maria Costa, para ajudar aos vereadores na análise do projeto pedindo autorização da Câmara para contratação de financiamento de R$ 5 milhões para trocar 5 mil pontos de iluminação pública por lâmpadas com tecnologia LED. Piraju tem 6 mil pontos e 1 mil já serão trocados com verba do DADE.

Na reunião, realizada na tarde desta quarta-feira (25), Guilherme Ferraz, que veio a Piraju, exclusivamente, para essa reunião com os vereadores, explicou as vantagens da linha de crédito que tem juros de apenas 4,5% ao ano, um ano carência e mais 5 anos para pagar. Ferraz explicou que essa linha de crédito já foi apresentada para os municípios da AMVAPA e, 17 prefeitos, já pediram estudo para aprovação do financiamento para seus municípios.

Sobre a troca do sistema de iluminação atual por LED, os representantes da Caixa mostraram que a tecnologia LED permite maior eficiência e segurança, mas a principal vantagem está na economia que pode chegar até 70% no caso de Piraju. Com essa economia, Piraju pagaria as prestações do financiamento.

E não é só a Prefeitura que vai pagar menos energia elétrica. A população também será beneficiada. Atualmente, o município de Piraju gasta, aproximadamente, R$100 mil, só com energia elétrica, fora o custo com manutenção do sistema (compra de lâmpada, braço e luminária). Essa conta é repassada aos consumidores e contribuintes que pagam a iluminação pública. No caso de prédios e residências, o pagamento é na fatura. Já para os proprietários de lotes e terrenos sem construção, a cobrança vem no carnê de IPTU. O valor pago, que está na faixa de até R$ 8,00, cairia pela metade aos contribuintes.

Além da economia com energia elétrica, a equipe da Caixa mostrou que a Prefeitura deixará de gastar com manutenção por até cinco anos, uma vez que, serão trocadas não só as lâmpadas, mas todo o conjunto composto pelo braço relê, fio, braçadeira e luminária.

O prefeito José Maria Costa, que fez questão de participar da reunião, levou ainda Paulo Leal Rodrigues, diretor de Finanças, Paulo Sara, diretor Administrativo e a arquiteta Maria Fernanda Barbério, para dar todas as explicações técnicas necessárias para aprovação do projeto que vai beneficiar toda a população.

 

Piraju poderá ter 100% da iluminação pública de LED - sudoestepaulista

Cegarra Imóveis

BOM DA PESCA

Santa Cruz – Funerária

ADS

HOMEBASE

Meines

Modelar Box

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *