Policial gravemente ferido por explosão em Fartura tem alta médica e volta para casa - sudoestepaulista

Policial gravemente ferido por explosão em Fartura tem alta médica e volta para casa

PM ficou 42 dias internado em hospital especializado em queimados.

O policial militar vítima de uma loucura humana onde um homem explodiu a própria casa com ele (que se escondeu a tempo no banheiro) e seis policiais dentro, finalmente recebeu alta hospitalar e está de volta a seu lar, junto de sua família.

O Cabo Adriano, de Taquarituba, foi o mais atingido pela explosão, tendo partes de seu corpo queimados como também suas vias respiratórias e pulmões, afetados gravemente. O guerreiro flertou com a morte, mas lutou e finalmente, 42 dias após o fatídico está agora se recuperando em sua casa.

De acordo com informações exclusivas recebidas pela redação do Portal do Sudoeste Paulista, o PM, após alta médica, junto de sua família e amigos de farda, saiu nesta terça-feira, 16, do Hospital Padre Albino, de Catanduva/SP, especializado em queimados.

Ainda muito magro e com ferimentos aparentes, o pai de família e seus amigos vítimas da insanidade alheia, comoveram a região num ato heroico onde arriscaram suas próprias vidas na tentativa de dissuadir um farturense de cometer tal barbárie.

Relembre os fatos

Em consonância com as informações descritas no Boletim de Ocorrência, documento que a redação do Portal do Sudoeste Paulista teve acesso, o então morador do bairro Jardim da Serra II, em Fartura, ateou fogo e explodiu sua casa, com 6 policiais militares dentro, utilizando botijões de gás e gasolina.

Segundo o documento policial, a PM foi acionada pela esposa do insano, por volta as 23h da fatídica segunda-feira, 4, depois que teria recebido imagens do marido ameaçando explodir a casa, localizada na Rua das Figueiras, 116. A casa precisou ser parcialmente demolida.

Segundo declarou Denise, esposa de Eric Leandro Lovison, seu marido teria depressão e passava por tratamento psiquiátrico. Ela contou que se separou de Eric devido seu crescente grau de ciúmes e depressão.

No BO a mulher narra que por diversas vezes teve de pegar os seus dois filhos, (de 6 e 3 anos) e levar para a casa de sua mãe, devido ao alto grau de violência verbal e ameaças feitas por seu ex-marido.

Horas antes de explodir a própria casa, Eric enviou uma foto do interior da sua residência para sua esposa, onde era visível um galão de 20 litros que ele narrou ser gasolina, e próximo ao galão, três botijões de gás (GLP de 13 kg).

Assim que a mulher percebeu a gravidade da situação acionou a Polícia Militar que logo chegou ao local em várias guarnições, acompanhados inclusive do Corpo de Bombeiros de Piraju. Foi onde aconteceu o pior. Após baterem na porta por diversas vezes os policiais resolveram entrar na casa, momento em que aconteceu a explosão.

Cinco policiais tiveram de serem removidos rapidamente ao Pronto Socorro da cidade e um mais grave, o Cabo Adriano, para a Santa Casa de Avaré, de onde foi transferido para o hospital de Catanduva.

Mediante a gravidade da situação, de imediato a delegada Camila Rosa Alves, determinou a prisão em flagrante de Eric Lovison, sem direito a fiança. Ele responde por tentativa de homicídio qualificado, em acordo com o artigo 121 do código penal brasileiro.

Policial gravemente ferido por explosão em Fartura tem alta médica e volta para casa - sudoestepaulista

Policial gravemente ferido por explosão em Fartura tem alta médica e volta para casa - sudoestepaulista

Policial gravemente ferido por explosão em Fartura tem alta médica e volta para casa - sudoestepaulista

SS Consultoria

Cegarra Imóveis

BOM DA PESCA

Santa Cruz – Funerária

CASA DO MECÂNICO

ADS

Meines

BELLA PIZZA

Modelar Box

LPNET

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *